gym-1180054_1920

O exercício físico não pode ser encarado como algo complexo. Estar bem significa viver mais e curtir os filhos, os netos e a própria velhice, que será melhor aproveitada.

O Bem Estar desta sexta-feira (16) falou sobre os benefícios de praticar atividades físicas e mostrou, entre outros exemplos, uma modalidade ainda pouca falada quando se pensa em fazer algum esporte: a esgrima renascentista. A luta medieval está atraindo até quem não costuma praticar exercícios e está ajudando quem quer emagrecer. Para dar dicas sobre como sair do sedentarismo, o programa recebeu o cardiologista e pesquisador de saúde comportamental, Marcelo Katz, e o médico do esporte, Franz Burini.

Como começar a praticar exercícios?
A informação é a ferramenta mais importante de todas para a pessoa que deseja começar a se exercitar. O sedentarismo é um risco e a atividade física é algo que precisa fazer parte da vida como algo primordial, como comer, tomar água, tomar banho, namorar. O exercício físico funciona como remédio e não pode ser encarado como algo complexo.

Quem toma consciência da necessidade da atividade física, precisa eliminar as ‘barreiras’ que o impedem de começar, como a falta de tempo, o trabalho, os estudos, a casa, os filhos, falta de dinheiro, entre outros. Segundo especialistas, estar bem hoje significa viver mais e curtir mais os filhos, os netos e a própria velhice, que será melhor aproveitada.

Começar uma atividade não significa se matricular em uma academia, comprar roupas, mas sim colocar um foco para fazer pequenas mudanças diárias, como uma caminhada após o almoço, estacionar o carro mais longe e andar um pouco mais, caminhar 30 minutos na praça perto de casa, por exemplo. Aos poucos, a pessoa vai se sentir mais disposta e daí a coisa começa a aumentar naturalmente. Movimentar o corpo traz mudanças na rotina, na vida e na disposição de quem começa. A musculação garante muitos benefícios, potencializa a liberação das células que conversam e promovem o bem estar. Quando há contração do músculo, várias substâncias são liberadas e acabam ‘conversando’ com outros tecidos.

Aplicativos de exercícios: a academia no bolso
Atualmente os aplicativos de exercícios oferecem treinos de graça, de acordo com os objetivos de quem pratica, se tornando um aliado para sair do sedentarismo.

Exercícios físicos são aliados para pacientes que tiveram câncer, mostra estudo
A atividade física ajuda também na reconstrução pessoal, como por exemplo, em pacientes que tiveram câncer. Um estudo do Instituto do Câncer de São Paulo comprova que a atividade física ajuda mulheres em reabilitação após o tratamento. Elas remam, cantam e reescrevem a própria vida.

Fonte: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2018/11/16/sedentarios-devem-eliminar-as-barreiras-que-os-impedem-de-comecar-a-praticar-atividade-fisica.ghtml

Deixe um comentário:

*

Seu endereço de email não será publicado

Copyright . Clinicordis . Todos os Direitos Reservados.